1. Ter uma ideia para o Negócio

Primeiro é saber o que é que as pessoas querem O primeiro passo para criar uma empresa ou um novo negócio, é obviamente, ter a vontade de empreender, sendo que é necessário também ter uma boa ideia de negócio. Deve começar por analisar o mercado e perceber qual é o perfil dos consumidores que pretende alcançar, não esquecendo o facto inovação ,.

2. Analisar o Mercado

É muito importante De forma sucinta, fazer a Análise de Mercado como o meio para se obter informações qualitativas e quantitativas valiosa é mesmo muito importante, tais como o perfil do público alvo, potenciais consumidores, cenário econômico, concorrentes e fornecedores. Deve-se procurar responder duas perguntas, o que meus clientes querem? e o que os meus fornecedores oferecem.

3. Criar um plano de Negócio

ele é realmente muito importante para montar um plano de negócio . ele tem como objetivo de diminuir o máximo de riscos e incertezas do projeto e identificar potencial do negócio e também possível falhas e ameaças e erros , ele guia-nos mas nem sempre nós precisamos seguir fielmente até porque ele é muito notável ao longo do projeto , por isso cabe a nós a identificar o momento certo em actualiza-lo , o plano de negócio deve ser elaborado a partir do momento em que eu for actuar É necessário ter em conta que um plano de negócios tem vários passos que devem ser respeitados: Plano de Negócio , Sumário Executivo , Apresentação da Empresa , Analise do meio envolvente , Apresentação da Empresa, Analise do meio envolvente , Analise do Mercado , Estratégia da empresa ,Plano de Marketing ,Plano de organização e de recursos humanos , plano de produção ou operações , plano económico-Financeiro , Calendário de Execução

4. Escolher a equipa certa

Na verdade este é um ponto que muitas empresas têm um défice enorme  No fundo,  primeiro vai-se  precisar de procurar pessoas que partilham da mesma  visão de negócio e a mesma ambição. Assim, vai evitar incompatibilidades  na gestão quotidiana do seu projeto no futuro .

5. Decidir a forma jurídica da empresa

  • Empresário em nome individual
  • Sociedades unipessoais por quotas
  • Estabelecimento individual de responsabilidade limitada (EIRL)
  • Sociedades por quotas (Lda.)
  • Sociedades Anónimas (S.A.)
  • Sociedades em nome colectivo
  • Sociedades em comandita

6. Pensar no financiamento

Bem sabemos que o mundo está cheio de boas ideias mas nem sempre conseguimos colocar tudo em prática por falta de financiamento, infelizmente esse é um dos problemas que alguém pode ter ao criar uma empresa, Como eu não quero que seja este o seu caso, partilhamos consigo algumas alternativas , normalmente o pensar financeiro começa com um número ou com um custo , ele começa sempre com onde eu quero chegar , sem esse objetivo não há um pensar financeiroacabas por te perder .

7. Definir o Local da Empresa?

O Sétimo passo é Definir o local onde vai sediar a sua empresa é um passo fundamental. Não só a localização pode definir o sucesso do seu negócio, como também pode ser propícia (ou não) à expansão do mesmo.

Nos últimos anos tem surgido uma nova tendência, muita em parte pela revolução digital e pelo desenvolvimento do mundo das startups, que são as pequenas empresas sem espaço físico para o público , mas pelos dias de hoje aconselho a ser Digital , até terá mais redução de custos .

8. Pensar na contabilidade

É obrigatório  que as empresas têm de pagar, como por exemplo o IRC (Imposto de Rendimento sobre Pessoas Colectivas), ou o IVA (Imposto sobre o Valor Acrescentado nas operações de compra e venda), o IRS (Imposto de Rendimento sobre Pessoas Singulares, retido sobre os salários dos funcionários e gerência) ou até a TSU (Taxa Social Única), entre outros , mas antes tem documentos necessários para contabilização mensal da nossa empresa , primeiro é o balancete este documento é muitas das vezes solicitados por bancos , pelos fornecedores etc é muito importante que esses documentos esteja em nome da empresa ou num dos sócios , tem que se mandar as contas da água as contas de luz , as contas da internet é muito importante esses documentos

8. Iniciar a atividade da empresa

Primeiro temos que ter um número de conta bancária que será associada a nossa actividade e aí é possível fazer um ínicio de actividade, que da possibilidade de gerar receitas e muito mais , no caso de tu abrires o inicio da sua actividade online não será possível se tu fores um cidadão estrangeiro e se não tiveres domicilio fiscal em Portugal , se o teu domicilio fiscal não for cá em Portugal não é possível fazer abertura online , mesmo que tu fores um cidadão estrangeiro e o teu domicilio esteja cá em portugal , mas se não estiver representado em Iva não conseguirás fazer uma abertura de actividade ,só presencialmente nos serviços . é possível constituir uma empresa online , mas eu sugiro que consultei sempre o auxilio sempre de um advogado que tem as credencias de acesso diretamente com a conservatória , porque a constituição de uma empresa inicialmente , as finanças é so par dar o ínicio da actividade , para constituir uma empresa tem que ser na conservatória, é possível fazer online com um auxilio de advogado e com as credencias dele consegue fazer essa abertura mas se tu não quiseres só na conservatória , depois o ínicio da actividade da empresa isso faz-se online sem qualquer pr tem que ser mesmo na conservatória certifique-se que todos os pormenores estão prontos para começar a atividade prática da sua empresa, com esses parâmetros todos , pode dar os primeiros passos para sua empresa , espero ter ajudado e desejo-lhe muito sucesso para sua empresa

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here