Fonte: Expansao.co.ao

Em Angola, o INAGBE (Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudos), envia por ano cerca de 150 estudantes para o exterior, a fim de obterem a Licenciatura, Graduação e Pós-Graduação.

Porém, estes quando regressam já licenciados, por conta do nepotismo e corrupção que reinam no país, enfrentam graves dificuldades e barreiras para exercerem as suas funções.